quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

Quais os benefícios de usar cosméticos elaborados com uva ou seus derivados?






Para quem observa seu pequeno tamanho, nem imagina que as uvas contam com mais de mil substâncias que fazem bem à saúde da pele.
Diante de tantas possibilidades, os cosméticos feitos com uva estão fazendo grande sucesso, principalmente no quesito rejuvenescimento.

Muito além do agrado ao paladar, espécies como Malbec, PInor Noir, Cabernet Sauvignon, Merlot, entre outras, estão entre as matérias-primas de produtos que vão de hidratantes a clareadores da pele, passando por sabonetes e desodorantes.

Para você fazer a escolha certa para o seu bem-estar, vamos mostrar neste post algumas propriedades benéficas proporcionadas pela fruta que está nos sucos, vinhos, na mesa do brasileiro e, é claro, dentro das embalagens que promovem a beleza e a promoção da saúde da pele.

Quais são as vantagens de cosméticos feitos com uva?

As uvas eram utilizadas apenas na indústria alimentícia e na elaboração de vinhos e espumantes.
No entanto, após inúmeras pesquisas revelando seus benefícios à saúde, a indústria dos cosméticos encontrou na fruta a resposta para unir o útil ao agradável.
Assim, ao perceber que os antioxidantes existentes na uva eram excelentes para reparar as células do corpo, reduzindo os efeitos do envelhecimento, os cientistas chegaram à conclusão de que os cosméticos feitos com a fruta agiriam positivamente na promoção da saúde do ser humano, sobretudo no quesito estético.

Outro ponto que foi preponderante para o sucesso foi a existência de polifenóis em grande quantidade na fruta. Tratam-se de compostos que evitam a degradação da elastina e das fibras de colágeno, contribuindo com a saúde da pele.
Os polifenóis estão presentes, em maior concentração na casca e sementes e são antioxidantes mais potentes do que a vitamina C, sendo introduzidos na indústria de cosméticos desde o final dos anos 1990.

Outro aspecto que acabou casando com os benefícios cientificamente comprovados foi o aroma maravilhoso contido na uva, ou seja, os produtos não só ajudam no rejuvenescimento da pele como também hidratam e ainda proporcionam um perfume marcante e contagiante.

Por que os antioxidantes auxiliam na saúde da pele?

Com o objetivo de proteger as células sadias do organismo, os antioxidantes combatem os chamados radicais livres, um dos principais inimigos da pele, pois causam a formação de marcas de expressão, flacidez e manchas.
São exatamente os radicais livres, produzidos pelo sol, má alimentação, estresse, tabagismo, entre outros, que os cosméticos feitos com uva e seus derivados combatem, trazendo mais jovialidade e brilho à pele, contribuindo com a elasticidade e firmeza.
Além de evitar os problemas, os antioxidantes também neutralizam os malefícios, ou seja, você poderá melhorar consideravelmente a saúde da pele por meio dos produtos elaborados à base de uva.

Diante de tantos pontos positivos, cremes, sabonetes, hidratantes faciais e corporais feitos com extratos de uva auxiliam em vários tipos de aplicações, como em massagens, tratamentos de redução de medidas, sem falar na melhora da qualidade da pele por meio da ação rejuvenescedora.
Mas grande parte dos benefícios dos cosméticos feitos com uva é ocasionado pela ação do resveratrol, um potente antioxidante.

O que é o resveratrol e como ele age na saúde da pele?

Presente principalmente nas sementes e cascas das uvas, especialmente nas variedades de uvas tintas, o resveratrol é um antioxidante poderoso que combate eficazmente o envelhecimento precoce.
Sabendo que vivemos em uma realidade onde é impossível fugir dos males da poluição, nada melhor do que contar com produtos que possam auxiliar na qualidade da pele, seja em aplicações no período da manhã ou noite.
Pelo fato de ser uma substância fotossensível, o resveratrol tem uma eficácia maior à noite, atuando como reparador dos efeitos nocivos dos radicais livres.
Não é à toa que ele é popularmente conhecido como a pílula da longevidade.

Como os cosméticos são produzidos à base de uva?

Utilizando a versatilidade da uva, os cosméticos recebem óleos à base da fruta, sendo totalmente livres de químicas, ou seja, são sustentáveis e naturais.
Grande parte deles vem de resíduos da elaboração dos vinhos, após os processos de fermentação e filtragem, evitando ainda o descarte incorreto na natureza.
Assim, o tratamento feito à base de uva, também conhecido como vinoterapia, conta com aplicações formidáveis tanto no corpo quanto na face, com resultados altamente positivos.
Um exemplo é para quem usa muita maquiagem.
Nesse caso, as máscaras vinoterápicas evitam a danificação da pele causada em razão do tempo e frequência do uso dos produtos de beleza.

Outro aspectos importantíssimo é na renovação celular, clareamento das manchas e revitalização dos tecidos.
No corpo, os cosméticos feitos com uva aceleram o metabolismo, influenciam no emagrecimento e ainda relaxam a pele.
Além dos cremes, podemos citar os sabonetes e sais de banho como grandes aliados nessa constante busca pela promoção da saúde, fazendo com que você se sinta melhor e mais rejuvenescida.

Por que optar por cosméticos feitos com uva?

A sua pele será a grande beneficiada por meio do uso de cosméticos feitos com uva.
Fora os aspectos positivos apresentados, podemos citar ainda o combate às acnes e espinhas, dermatite e até a proteção da pele dos desgastes ocasionados pela exposição ao sol.
Assim, os produtos contam com efeitos tanto de prevenção quanto de reparação, auxiliando imensamente na saúde da sua pele.

COSMÉTICOS




Os cosméticos são uma parte muito importante da sua saúde e bem-estar.
Quando falamos neles, estamos falando de cremes, maquiagens, shampoos, sabonetes e mais uma série de produtos que têm contato direto com a sua pele.
Por isso, é importante perguntar: você sabe o que avaliar na hora de comprar cosméticos?

Existem uma série de critérios que devem ser levados em consideração, para garantir que você esteja adquirindo um produto de qualidade, que não será prejudicial para você e nem para o meio ambiente.

Verificar se o produto tem substâncias prejudiciais à saúde
Infelizmente muitos cosméticos possuem em sua composição produtos que são prejudiciais à saúde. Especialmente as marcas que são de qualidade mais baixa acabam não se preocupando com os insumos utilizados.
Portanto, se você não tiver atenção, pode acabar sofrendo as consequências.

Parabenos
Os parabenos são empregados em cosméticos como conservantes.
Como algumas pesquisas indicam, eles são muito perigosos, já que agem no organismo com efeitos estrogênicos.
Ou seja, podem causar alterações hormonais e em casos mais graves são associados até mesmo ao câncer.
Além disso, estudos mais recentes indicam que a substância também faz mal para a pele, causando envelhecimento cutâneo e efeitos prejudiciais quando a cútis é exposta à luz solar.
Portanto, na hora de comprar cosméticos prefira os que são paraben free.

Formaldeído
Também conhecida como formol, essa substância é mais encontrada em cosméticos para o cabelo, desodorantes e produtos para as unhas.
Os principais riscos que ele oferece à saúde estão relacionados ao sistema respiratório.
Além disso, o formol também aumenta o risco de câncer em seres humanos, conforme indicam pesquisas.

Optar por marcas livres de testes em animais
Essa é uma preocupação que tem atraído cada vez mais pessoas, ainda que elas não sejam vegetarianas ou veganas.
Afinal, os testes em animais são bastante cruéis e desnecessários, pois é perfeitamente possível produzir bons cosméticos sem precisar lançar mão desses testes.

Portanto, um cuidado importante na hora de comprar cosméticos é verificar se eles são cruelty free — que não foram testados em animais.
Essa informação é facilmente encontra na embalagem do produto, que geralmente tem um selo indicando esse fato. Além disso, existem muitas listas disponíveis na internet indicando os que se encaixam nessa categoria.

Escolher produtos feitos com substâncias naturais
Se possível, na hora de comprar cosméticos, opte por aqueles que são feitos com ingredientes e substâncias naturais.
Isso significa que no processo de produção eles devem preservar a matéria-prima o máximo possível.

Além disso, é importante também que esses produtos causem o menor impacto possível no meio ambiente, tanto na hora da produção como do descarte.
Isso envolve a utilização de materiais biodegradáveis, inclusive na embalagem, e de evitar o desperdício de recursos naturais, como água e luz.

Cosméticos feitos com produtos naturais são muito mais benéficos também para a nossa saúde, já que os sintéticos e artificiais podem causar muito prejuízo, como já detalhamos a respeito dos parabenos, por exemplo. Outro detalhe importante é dar preferência para orgânicos, sempre que possível.
Então, quando for adquirir um cosmético, fique atento ao rótulo da embalagem e faça uma pesquisa prévia sobre a composição dele.

Procurar por avaliações dos consumidores
O que você faz antes de comprar qualquer produto ou visitar um novo estabelecimento?
Pesquisa por avaliações e relatos de outros consumidores, não é?
Com os cosméticos não deve ser diferente!

Antes de efetuar a compra, vale a pena dar uma boa pesquisada a respeito do produto.
Com a internet, fica muito mais fácil, já que você nem precisa conhecer pessoalmente outro consumidor da marca.

Analisar o custo-benefício
Quando for comprar cosméticos, tenha o hábito de fazer a análise do custo-benefício antes.
Esse é um tipo de produto que o barato pode sair muito caro, já que eles têm muita relação com a nossa saúde. Itens ruins podem causar alergias, queda de cabelo e até mesmo doenças mais graves, como um câncer, em casos extremos.

Portanto, sempre analise o custo-benefício do que você está comprando.
Às vezes um cosmético feito com substâncias naturais e que seja cruelty free vai custar mais caro, mas vai trazer um retorno muito positivo para você e o meio ambiente, fazendo valer o investimento.

Escolher o mais indicado para o seu tipo de pele ou cabelo
Por fim, é importante lembrar que os cosméticos são feitos para tipos de pele e cabelos específicos.
Se a sua pele é oleosa, você não deve usar o mesmo creme que alguém que tem a pele seca.
O mesmo vale para os cabelos.

Todos esses aspectos são bastante importantes e por isso é importante prestar atenção neles, especialmente para preservar a sua saúde e o nosso planeta Terra.

VINOTERAPIA






O que é a vinoterapia e quais são os seus benefícios?

A vinoterapia é um procedimento realizado de maneira tópica, por meio de produtos à base de uva ou vinho e massagens. 
O objetivo é eliminar as células mortas, firmar, nutrir e hidratar todos os tipos de pele.
O tratamento pode ser feito em casa ou em clínicas de estética e seu bom efeito se deve ao resveratrol — um importante polifenol presente nas cascas e nas sementes das uvas, especialmente as tintas.
A substância age como um antioxidante natural e neutraliza a ação dos radicais livres, além de impedir a atividade de enzimas que podem destruir células saudáveis. 
Os polifenóis também são ricos em vitaminas, como A, C e E, o que melhora a elasticidade da pele e a força dos cabelos.

Como funciona?
Existem muitas maneiras de realizar o tratamento, seja no corpo, no rosto ou nos cabelos. 
Primeiro, é necessário fazer uma boa higienização da parte do corpo na qual o procedimento será realizado. 
No caso da pele, uma esfoliação prepara a região para receber, de forma mais efetiva, a ação dos produtos que serão aplicados posteriormente.
A eficiência do tratamento se deve à sequência de procedimentos que são realizados visando o mesmo objetivo: cuidar e tratar do corpo. 
Para isso, é essencial que todos os cosméticos usados em cada etapa tenham princípios ativos em concentrações adequadas e apresentem boa qualidade.
A vinoterapia também funciona para a prevenção da celulite e para reduzir medidas. 
Ao passar os produtos e envolver a pele com toalhas quentes, o corpo reage por meio da termogênese. Isso significa que o organismo tenta causar e manter o equilíbrio térmico. 
Para isso, é necessário queimar gordura, o que promove a redução de medidas.

Quais são seus principais benefícios?
Combate os radicais livres
Os radicais livres são moléculas instáveis produzidas naturalmente pelo nosso metabolismo. 
Em excesso, eles podem ser tóxicos para o organismo e tendem a interagir com as células do corpo, causando a destruição até mesmo das saudáveis.

Diminui rugas e linhas de expressão
O resveratrol presente nas uvas ajuda a retardar o envelhecimento da pele. 
Junto com a massagem realizada durante o procedimento, ele estimula a fabricação de elastina e colágeno. 
Essas substâncias são responsáveis por sustentar as células, manter a firmeza e promover a elasticidade da cútis.

Remove células mortas e clareia a pele
O tratamento remove as células mortas da camada superficial da pele, o que melhora o aspecto da cútis e resulta em uma maior uniformidade. 
Assim, a superfície fica macia e saudável, além de menos oleosa.
Outro benefício dos polifenóis é a sua capacidade de atuar como fotoprotetor contra os raios ultravioletas. 
Com isso, eles ajudam a clarear pequenas manchas.

Melhora o aspecto dos cabelos
A vinoterapia pode ser feita nos cabelos para recuperar a fibra capilar e restaurar o brilho natural dos fios. 
Além disso, o resveratrol ajuda a restaurar o brilho natural, controla a oleosidade e fortalece os cabelos.
Como e com qual frequência pode ser feita?

Existem alguns cuidados simples que devem ser tomados antes e depois de realizar a vinoterapia, para que os resultados sejam ainda mais efetivos e duradouros. 
Caso você faça a aplicação diária de ácidos, por exemplo, é interessante suspender o uso da substância por pelos dois dias antes do procedimento.
Após o tratamento, é fundamental usar filtro solar com fator de proteção acima de 30, especialmente no rosto. 
Os tratamentos realizados em clínicas de estética podem necessitar de manutenção de acordo com o proposto pelo esteticista.
No caso dos tratamentos corporais redutores, é importante mudar também alguns hábitos de vida. 
Os resultados aparecerão com alimentação adequada, prática de atividade física e uso regular de cosméticos.

Embora seja um processo de base mais natural e não apresente muitas contraindicações, é importante verificar se há hipersensibilidade a algum componente que será usado. 
No caso de tratamentos corporais específicos, é necessário observar se serão usados cosméticos termogênicos.
Esses compostos aceleram o metabolismo e são contraindicados para pessoas com hipertensão não tratada ou que apresentam quadro agudo. 
Áreas lesionadas também devem ser evitadas, assim como indivíduos febris, em caso de banhos ou imersão com produtos aquecidos.
Não existe uma regra definida para a frequência do tratamento, que deve ser individualizado. 
Em casa, ele pode ser feito uma vez por semana ou de 15 em 15 dias, de acordo com a sua necessidade.

Quais tipos de produtos podem ser usados?
O tratamento facial e corporal com vinoterapia é feito com cremes, tônicos, óleos essenciais de semente de uva, sabonetes, géis, máscaras faciais e outros produtos feitos fundamentalmente por compostos presentes na uva e no vinho.
Para o tratamento capilar são usados shampoos, condicionadores e cremes hidratantes. 
Os homens podem se beneficiar, ainda, de itens para a barba, como loções e bálsamos. 
A ação dos produtos pode ser potencializada com o uso de toalhas aquecidas ou toucas térmicas.
A função desses cosméticos é promover um efeito desintoxicante, relaxante, nutritivo, clareador, revitalizante, renovador e tonificante. 
Além de aplicar os cremes, é possível preparar imersões ou banhos com outros produtos, como sais de banho ou o próprio vinho morno.

A vinoterapia é um tratamento completo que usa as boas propriedades da uva para melhorar o aspecto da pele e dos cabelos. 
Embora funcione de forma tópica, o procedimento pode ser complementado pela ingestão de suco de uva ou vinho, ocasionando resultados ainda melhores.

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

O CHAKRA DO UMBIGO




Por Elsa Farrus

Por que estamos com o digestivo tão agitado?

O umbigo é o centro do chakra umbilical. 
É o centro do start do plexo, o que os antigos chamavam de estrela do plexo solar que contém diversos chakras em seu interior. 
O chakra umbilical é um vórtice de energia rotacional.
A união da energia entrante que nos une com o nosso ser solar e que está mais ou menos conectada conosco em função do que mais amamos em nós mesmos e respeitamos nosso corpo físico e o plano de vida de nossa alma em equilíbrio com o Akasha.

Ou seja, a capacidade de estar desenvolvendo nossa vida autêntica.
É ele que transforma as forças do prana e dos corpos sutis em frequências de energia que vão se relacionar com o corpo físico e certas qualidades da mente que são essenciais para a saúde mental.

O chakra do umbigo é bem conhecido como o centro do bem-estar físico. 
Em algumas culturas se medica com ele, para reforçar os tantiens (na perspectiva chinesa é a área de energia que se encontra três dedos abaixo do umbigo – e também mar de energia). Intuitivamente cada um sabe que está relacionado com a fonte de energia vital.

Durante a gravidez, a mãe nos alimenta pelo cordão umbilical e quando este é cortado, nós nos nutrimos energeticamente pelo cordão de luz que nos une ao ser solar, foi a nossa maior fonte de energia e limpeza.
E continua sendo, só que não estamos conscientes dele, ele regula toda a entrada das experiências físicas, emocionais, vitais, sexuais, tudo que vive o nosso ser é incorporado em nós através deste chakra e elabora uma resposta em união com nosso ser solar.

À medida que o chakra umbilical se desenvolve em equilíbrio com os outros chakras, os traços de personalidade associados com ele mudam.
Se estivermos bem unidos em equilíbrio, não há doenças mentais e se nos negarmos no desejo do outro, debilitamos e começam as doenças e as patologias mentais.

A consciência e a realidade da pessoa variam em função deste chakra, ele elabora as respostas do que nos acontece quando vivemos uma experiência. 
Por isso quase todas as manipulações são colhidas neste chakra em forma de cordões energéticos que vão direto para o cordão de luz do chakra do umbigo. 
E sem o fluxo da energia umbilical, sem a habilidade de gerar e liberar esta energia, a pessoa se apega à sua realidade de estar centrada em so ,es,a e não nas dependências emocionais, sexuais, vícios, etc..

O chakra do umbigo está associado com o elemento fogo. 
Gera calor e regula a digestão.
E os antigos também o associavam com a capacidade de materializar as coisas, de dar forma ao fogo sagrado do terceiro chakra. 
Diziam que transformava o vapor da alma em matéria.
Por isso ele pode nos levar a ter uma grande vontade de desenvolvermos como família ou nos autodestruirmos.
Então poderíamos dizer que o chakra do umbigo nos dá a capacidade de romper e criar hábitos.

Quando enfocamos em disciplinas energéticas como reiki, meditação, mantras, ioga, etc., os canais chamados de cordões de prata e de ouro que correm desde a base da coluna para a glândula pituitária e finalmente para a glândula pineal, receberão toda a informação do cordão de luz que entra pelo chakra do umbigo e se funde em energia com o Prana.

MAS MUITAS PESSOAS NESTE PORTAL E NOS ÚLTIMOS MAIS RECENTES SENTEM PROFUNDAS NÁUSEAS OU TRANSTORNOS DIGESTIVOS.

Porque a energia entrante dos corpos sutis é maior, cada vez maior, ou, como dizem nas canalizações e textos antigos, a Ascensão planetária consiste na fusão de todos os corpos, os sutis e o físico, o ser solar e a encarnação presente.

Por isso, em cada portal a intenção é ajustar o máximo possível para nós, e nos mostrar através do digestivo os bloqueios e as energias de que diariamente não somos conscientes que não fluem ainda, e em troca, os dias de portal ou de solstício ou de tormenta solar nos mostram como ainda estamos afastados de nós mesmos.

Muitas pessoas estão fazendo muito bem as coisas e ainda assim seu digestivo está no limite, ou engordam sem comer (isso acontece comigo, quando não estou atenta ao meu descanso, etc.). Inclusive ataques de soluço ou diarreia, segundo as conversas que elas têm no seu ambiente.

Tudo que fazemos a partir do pensamento, a palavra, a emoção, o gesto, emite uma vibração e esta vibração é captada pelo Hara, na parte inferior do chakra do umbigo e se funde no plexo para que elaboremos uma resposta e se não estamos em nossa vida, no que nascemos para fazer e não no que outros nos têm obrigado a fazer ou em ocasiões nos equivocamos e se complica nossa realidade, e desejamos depois de nossas ilusões pelo bem maior… se tudo isso acontece por um longo período, o ser solar não pode se fundir conosco e assim como antes nos deixava doente ou bloqueava, agora Não.

Porque agora não somos nós quem decide, é a nossa alma, nosso ser solar que realmente dirige a tomada do comando, como acertamos antes de nascer, todos nós escolhemos estar em Gaia neste período, encher de luz nosso corpo físico e nos transformar em consciência para renascer ou morrer, para compreender e curar e ascender, ou para compreender a partir da cura psiquiátrica se estivermos tão afastados do propósito de vida.

Se estivermos com o digestivo cheio de alguma coisa, não poderemos fundir com a vibração do ser solar.
O ser solar é físico, a vibração é física, a luz também, mas sua matéria é mais sutil, não a sentimos tanto, os corpos de luz já se desenvolveram, mas agora a vibração que passa por eles nós a experimentamos muito física, cada vez mais e mais física. 
Por isso, todos os transtornos digestivos, estomacais e do plexo, ou a ira e polaridade máxima de emoções que alguns experimentam, para que nos centremos no cuidado de nós mesmos, que é o nosso compromisso.

Alimentação, sono, vibração, alegria e paz, são as chaves deste chakra. 
A ascensão não é um processo de iluminação mais à frente, e sim, a fusão de nosso ser livre de tóxicos de todo tipo com a energia do ser solar.

Por isso, ao aumentar a frequência de luz, nos mostram o que não ocorre, que não pode ocorrer e que não há emoções e experiências para revisitar, para equilibrar, para curar e, sobretudo, para liberar.
Seja pela medicina, por alimentação, por meditação, pelos registros, pela consciência, não importa, mas se esquecemos de nós mesmos, este centro nos relembra cada vez mais rapidamente e mais intensamente.

A união plexo, chakra da raiz e a pineal como um, por isso quando estamos intoxicados por emoções, relações, alimentos e destruição ou esquecimento do físico, nos afeta a visão, ou dá tonturas, porque se corta o fluxo natural da espiral de energia.

Não procuremos sinais mais longínquos, os primeiros sinais estão no físico, e no propósito deste planeta, é encontrar a felicidade da vida em si mesma, por mais duras que tenham sido as realidades vividas, porque viemos de uma unidade de alma, nascemos em uma dualidade da terra e renascemos em nosso interior quando crescemos em consciência e compreendemos o por quê… de tudo que se viveu e como todos os protagonistas de nossa vida serviam a um plano, a um roteiro, o roteiro de nossa alma, para crescer como seres de luz.

Só que nesta encarnação, podemos alcançar esta informação, compreensão e transformação sem a nossa morte física, somente a partir da Consciência, a consciência é a fusão física dos corpos sutis e o físico mais denso, em concretização da realidade, ou seja, em um corpo só, essa unidade será a chave através do plexo solar para fundirmos com a unidade nos outros planos de consciência.
Tenhamos ânimo todo esse ano, todo o ano, para regularizarmos, quase uma vez por semana, para que ponhamos as pilhas e ao afrontarmos os assuntos pendentes que nos desequilibram a energia pessoal e assim poder nos calibrarmos.

Um abraço apertado, Elsa.

Fonte: http://www.ascensiongaia.es/

Tradução: Blog Sintese http://blogsintese.blogspot.com.br

Buraco negro monstruoso de nossa galáxia é visualizado pela primeira vez - mesmo que pelo canto do olho




Os cientistas, no mínimo, já desconfiavam, mas agora puderam confirmar: o objeto monstruoso no centro da Via Láctea é, de fato, um gigantesco buraco negro. 
Utilizando o sensível instrumento GRAVITY no Very Large Telescope (VLT) do European Southern Observatory (ESO), no Chile, os pesquisadores conseguiram observar aglomerados de gás girando a uma velocidade próxima de 30% da velocidade da luz em uma órbita circular próxima ao horizonte de eventos do buraco negro. 
Essa foi a primeira vez que a matéria foi observada orbitando próxima ao ponto sem retorno do buraco negro (a imagem acima é uma simulação das nuvens ao redor do Sagitário A*). Essas observações também são as mais detalhadas já feitas deste tipo de material orbitando próximo a qualquer buraco negro.

Humanidade finalmente verá um buraco negro em 2018

O GRAVITY estava sendo utilizado para observar chamas de radiação infravermelha vindas do disco ao redor de Sagitário A *, o objeto massivo no coração da Via Láctea. 
As chamas observadas, originadas do material em órbita muito próximo do horizonte de eventos do buraco negro, fornecem a confirmação há muito esperada de que o objeto no centro da nossa galáxia é, como já era esperado, um buraco negro supermassivo.

“É inacreditável ver material orbitando um enorme buraco negro a 30% da velocidade da luz. 
A tremenda sensibilidade do GRAVITY nos permitiu observar os processos de acreção em tempo real com detalhes sem precedentes”, conta Oliver Pfuhl, cientista do Instituto Max Planck de Física Extraterrestre (MPE), na Alemanha, em matéria publicada no site do ESO.
Feliz coincidência

O GRAVITY combina a luz de quatro telescópios do VLT para criar um super-telescópio virtual de 130 metros de diâmetro, uma técnica chamada interferometria, que pode aumentar drasticamente a sensibilidade e precisão das observações astronômicas. 
No início deste ano, o GRAVITY, juntamente com o SINFONI, outro instrumento do VLT, ajudou a mesma equipe a medir com precisão o voo mais próximo da estrela S2 em relação ao campo gravitacional do buraco negro, revelando pela primeira vez efeitos previstos pela relatividade geral de Einstein em um ambiente tão extremo.

Os pesquisadores afirmam que a descoberta do material orbitando o buraco negro e a consequente confirmação de sua natureza se deram por uma feliz coincidência.

“Estávamos monitorando de perto a S2, e é claro que sempre ficamos de olho no Sagitário A *. Durante nossas observações, tivemos a sorte de notar três clarões brilhantes ao redor do buraco negro – foi uma coincidência de sorte!”, explica Pfuhl no comunicado do ESO.

Essa emissão, proveniente de elétrons altamente energéticos muito próximos do buraco negro, era visível como três proeminentes explosões luminosas e corresponde exatamente às previsões teóricas de pontos quentes que orbitam perto de um buraco negro de quatro milhões de massas solares. Acredita-se que as chamas originem-se de interações magnéticas no gás muito quente que orbita muito perto de Sagitário A *.


Tempestades magnéticas

Esses pontos quentes encontrados pela equipe são, acredita-se, tempestades magnéticas que ocorrem quando campos magnéticos intensos formam filamentos que se separam e se reconectam, liberando grande quantidade de energia para aquecer o gás próximo dentro do disco de acreção (estrutura formada pelos materiais que orbitam um corpo central, como uma estrela ou um buraco negro).

Tais explosões foram detectadas antes, mas pela primeira vez os astrônomos puderam medir com precisão as posições e movimentos das chamas antes que elas se dissipassem, mostrando cada uma se movendo a 30% da velocidade da luz em uma órbita de aproximadamente 45 minutos em torno de alguma coisa central não vista – o próprio Sagitário A *, nosso buraco negro com massa de quatro milhões de sóis. 
Os dados do GRAVITY também mediram a polarização de cada chama, que mudou de acordo com o movimento de cada ponto através dos poderosos campos magnéticos do disco, reforçando ainda mais a interpretação da descoberta. 
“Quando vimos a primeira, tivemos que nos perguntar: 
‘Isso é real ou não?’, mas depois encontramos mais duas.
 Todas mostraram a mesma rotação, a mesma orientação e a mesma escala, o que nos tranquilizou”, diz Pfuhl em matéria do site Scientific American.

Será que um dia conseguiremos ver as singularidades dentro dos buracos negros?

“Eu não conseguia acreditar nos meus olhos. 
Ninguém acreditava que poderíamos fazer isso – nós realmente não achávamos que poderíamos fazer também – mas lá estava, esse belo movimento orbital”, surpreendeu-se Reinhard Genzel, do Instituto Max Planck de Física Extraterrestre (EMP), em Garching, Alemanha, e líder do estudo.

“Este sempre foi um dos nossos projetos de sonho, mas não nos atrevíamos a ter esperança de que ele se tornaria possível tão cedo. 
O resultado é uma confirmação retumbante do paradigma do buraco negro massivo”, conclui o pesquisador no comunicado. [Fox News, ESO, Astronomy, Scientific American]

sábado, 3 de novembro de 2018

Terapia Intensiva do Limão (TIL)



Terapia Intensiva do Limão (TIL)

Quadros que, se repetitivos ou mal curados, levam a pneumonias, broncopneumonias, tosses e otites. Os processos alérgicos se exacerbam: rinite, sinusite, asma e bronquite dão as caras com crises mais freqüentes e intensas.
E, quem mais sofrem são as crianças e os idosos.
Portanto, nada de esperar a gripe chegar (seja ela qual for) para ver o que vai dar. 
Nada de passar o inverno passeando nas farmácias, médicos e hospitais. 
Nada de gastar dinheiro com remédios. 
É chegada a hora de prevenir tudo isso, fortalecendo o sistema imunológico de todo mundo.
Medicina preventiva é a melhor de todas.
Como?
Com a prática da Terapia do Limão, ou Citroterapia, que pode ser Intensiva de 19 dias ou Leve de 5, 7, 9 ou 11 dias.
A melhor medicina é a preventiva, baseada numa alimentação saudável, com os sucos desintoxicantes diários, os leites de sementes nos lanches e a Citroterapia, que sugiro ser ideal para evitar quadros de doenças respiratórias e contagiosas.

As formas responsáveis de praticar a Terapia do Limão

O limão é incomparável. Segundo os hindus (Medicina Ayurvédica) é o fruto mais fantástico da humanidade. 
Seu potencial de alcalinizar o sangue, e demais líquidos corporais, acontece imediatamente após sua ingestão, quando seus citratos agem como um ativo neutralizante da acidez interna, tão comum quando a alimentação e os hábitos diários de vida não são saudáveis.

O consumo diário e regular do limão, é profilático e um verdadeiro elixir da vida. 
Hoje em dia, fala-se e consome-se muitos complementos contendo sais minerais e vitaminas, para suprir as deficiências alimentares. 
São fórmulas industrializadas, obtidas por misturas sintéticas de vários componentes, em proporções sugeridas por cientistas e profissionais da saúde.

Entretanto, existe enorme diferença de absorção e resultados entre o consumo do alimento fresco, natural e integral versus estes suplementos artificiais. 
É fato que um comprimido efervescente de 500 mg de vitamina C não substitui jamais o consumo de 2 limões diários, pois junto à vitamina C totalmente ativa (viva) do limão, existem os seus demais constituintes, que funcionam de forma integrada, alquímica no seu aproveitamento e benefícios ao organismo.

Uma alimentação repetidamente inadequada desenvolve um sangue continuamente ácido, condição ideal para o desenvolvimento de muitas enfermidades e suas manifestações, entre elas as doenças cardiovasculares, artríticas, diabetes e as derivadas de um sistema imunológico fragilizado.
Assim, para prevenir que o organismo chegue à doença, ou mesmo tratar a doença, é necessário fazer uso diário de alimentos que alcalinizem o sangue, favorecendo o equilíbrio metabólico e a eliminação dos seus resíduos tóxicos.

Quando isso não acontece, tais resíduos permanecem por tempo demasiado no organismo, ocasionando agravos patológicos, funcionando ainda como verdadeiros escudos, ao dificultarem o sucesso dos tratamentos convencionais de cura e das terapias naturais complementares.

Dificuldades de saúde podem ser tratadas com o consumo integrado e regular do limão. 
No entanto, o uso intensivo é especialmente indicado no fortalecimento do sistema imunológico, respiratório e cardiovascular, oferecendo assim proteção contra diversas doenças.

A Terapia Intensiva do Limão (TIL)

O tratamento mais conhecido e divulgado na literatura sobre o limão é a TIL de 19 dias, que começa pela ingestão do suco fresco de um limão no primeiro dia e vai aumentando-se a dose diária com 1 limão, ao longo de dez dias sucessivos, até perfazer o total de 10 limões no décimo dia. 
No décimo primeiro dia decrescem as doses em igual proporção, reduzindo 1 limão a cada dia, até que no décimo nono dia a ingestão é o suco fresco de apenas 1 limão.
No total destes 19 dias de tratamento serão consumidos 100 limões. 
Por este motivo há que se ter absoluto cuidado com a perfeita higiene e a maturidade dos limões, além da forma segura de manuseio e toma. 
Ver sobre tais cuidados ao longo deste texto.
O mágico deste tratamento, que foi criado para tratar pessoas com ácido úrico e artrite, é a cumplicidade para fortalecer o organismo. 
Os antibióticos vão deprimindo o sistema imunológico, pois fazem pelo organismo o que ele mesmo deveria fazer. Já a TIL - que é preventiva - vai do primeiro ao décimo dia, limpando e alcalinizando o organismo. 
Ou seja, vai arrumando a casa. 
Colocando tudo nos seus lugares. 
Depois do dia 11 ao 19, esta terapia vai permitindo e lembrando ao organismo da sua função autônoma. 
Ou seja: é o organismo sano que irá lidar com todos os desafios da vida.

Naqueles dias quando são muitos os limões, e o volume de suco é elevado, o ideal continua sendo a ingestão em apenas uma toma em jejum, 30 minutos antes da refeição matinal. 
Opcionalmente, em 2-3 tomas distribuídas ao longo do dia: Um exemplo: 
No décimo dia será o suco de 10 limões (300 ml). 
Assim, tomar o suco de 4 limões em jejum, 30 minutos antes da refeição matinal; 3 limões, 30 minutos antes do almoço; e dos últimos 3 limões, igualmente antes do jantar.


Reações da Desintoxicação

Não pense que este tratamento deve ser praticado igualmente para todos os casos e por todas as pessoas. 
Ao contrário, existem exceções (inadequações) e a possibilidade de serem feitas adaptações, conforme as condições e sensações corporais de cada pessoa. 
Observar que podem ocorrer as situações como as descritas a seguir.

A pessoa está por demais intoxicada e logo no começo do tratamento sente mal-estar, como acidez, náuseas, dor de cabeça, diarréia ou indisposição geral. 
Neste caso, o indicado é respeitar o corpo; e repetir a quantidade de limões do dia anterior e observar. 
Caso os sintomas aliviem um pouco, seguir em frente na seqüência prescrita pela Terapia Intensiva. 
Caso permaneçam os fortes sintomas, repetir por mais 1 dia a mesma dosagem de limões e observar as reações do corpo. 
Se ainda assim permanecer uma sintomatologia de elevado incômodo, interromper o tratamento e recomeçar na semana seguinte do ponto zero.
Aproveitar esta semana de intervalo para alimentar-se de forma mais leve e natural, ingerindo mais frutas, brotos, folhas, sementes germinadas e cereais integrais.

A Terapia Leve do Limão
Este procedimento é indicado para quem nunca praticou a TIL, pessoas muito fragilizadas por uma doença grave ou crônica e também para pessoas com mais de 50 anos, quando existe elevada possibilidade de elevado nível de intoxicação e acidez no sangue.

Trata-se de uma terapia de adaptação ao tratamento intensivo, que pode também ser planejada sempre que necessária uma limpeza mais rápida e superficial do organismo.

A Terapia Leve pode ser de 5, 7, 9 ou 11 dias. Um exemplo é a Terapia Leve de 5 dias. 
Iniciar com o consumo de 1 limão, no segundo dia são 2 limões, e no terceiro dia são 3 limões. 
No quarto dia reduzir para 2 limões e, finalmente, 1 limão no quinto dia. 
Totalizando 9 limões.

O interessante da prática da Terapia Leve é que este tratamento breve pode ser repetido na sequência e se transformar em 10, 15 ou 20 dias. 
Por exemplo, se a terapia de 5 dias for repetida sucessivamente por 4 vezes, se tornará uma terapia de 20 dias, com o diferencial de ser bem mais leve que a Terapia Intensiva de 19 dias (100 limões). 
Na Terapia Leve de 5 dias são 9 limões que na repetição de 4 séries são consumidos apenas 36 limões.

Qual limão usar e como comprar?

Todos os limões e suas variedades podem ser usados nesta terapia. Principalmente os do quintal e de cultura orgânica. Precisa estar maduro e fresco, ser de safra, da estação. Cada cidade, região ou país tem suas variedades, meses de safra e oferta. O melhor lugar para ter esta informação é no mercado central de sua cidade.

Evitar limões que não estão bem maduros, porque podem causar alergias. 
Evitar limões maduros demais já não são tão terapêuticos.

Limões maduros apresentam suculência, casca brilhante, fina e macia, além do cabinho (a estrela que o prendia à árvore) que se solta com um leve toque. 
Maduro porque não se deve usar um remédio que ainda não está pronto ou com a validade vencida, certo?

Para a Terapia Intensiva ou Leve, recomendo calcular e comprar limão maduro a cada 5-7 dias e, deve ser idealmente fruto de tamanho médio que gera cerca de 30 ml (2 colheres de sopa) de suco/fruta. 
Caso sejam de tamanho maior ou menor usar como medida a colher de sopa.

Armazenar os limões numa fruteira. Não os colocar na geladeira, quando perderão seu frescor.
Quando praticar e qual a frequência?

Isso é muito relativo, porque depende de que doença(s) a pessoa está querendo tratar, da sua receptividade ao tratamento, se é um tratamento preventivo ou de cura.
De qualquer forma, quando falamos da Terapia Intensiva de 19 dias, considero prudente um intervalo de 3 meses (mínimo) ou na entrada de cada estação do ano. 
Assim, inicia-se cada ciclo da natureza com o organismo limpo, alcalinizado, mineralizado e fortalecido (turbinado).

Durante a Terapia Intensiva é opcional o consumo do Suco de Luz do Sol ou Vitamina da Lua no intervalo das principais refeições.

Porém, recomendo que nos intervalos da Terapia Intensiva, se torne um hábito o consumo diário de 1 a 3 limões no preparo destes sucos desintoxicantes.

Como preparar o suco fresco?
O espremedor manual ou elétrico de limões é o mais prático e rápido. 
Mas, qualquer que seja a forma escolhida, o suco deve ser servido imediatamente após o seu preparo: fresco.
Para fazer uso dos benefícios dos ativos presentes na casca do limão, o primeiro limão (somente 1/dia) pode ser passado inteiro (polpa + casca) pela centrífuga ou liquidificador. 
Porém dos demais será somente o suco.

Posso diluir o suco?
Não. 
Este tratamento está baseado no consumo do suco puro dos limões. 
Acrescentar água irá diluir o efeito desejado de limpeza, cicatrização, alcalinização e harmonização metabólica. 
O que costumo sugerir, para aqueles que resistem, é acrescentar 2 colheres (sopa) de: a) suco natural de uva concentrado (caseiro ou orgânico isento de aditivos e açúcar). 
A uva também é um alimento de elevado poder alcalinizante e desintoxicante ou ; b) água de coco-verde.
Entretanto, mesmo usando este recurso da diluição mínima, pode acontecer dificuldade na toma diária, embora, se tomado com canudinho, esta possibilidade será muito reduzida.
Neste caso, há que se respeitar a dificuldade da pessoa e usar este mesmo recurso através de um outro alimento desintoxicante e alcalinizante como a uva, usando a mesma tabela e volumes.
Assim, passa a ser Terapia Intensiva da Uva. 
O complicante, no Brasil, é que as uvas são caras, sazonais e muito contaminadas por agrotóxicos. 
A opção orgânica é rara e muito cara.

Outra opção é o consumo diário do Suco de Luz do Sol ou Vitamina da Lua, em jejum. 
Diferente do tratamento leve ou intensivo, o uso diário e contínuo, destes sucos desintoxicantes, será um tratamento mais sutil e suave, porém também de elevado poder terapêutico e preventivo.

Atenção: 
Não adoce o suco do limão com açúcar (seja branco, cristal, mascavo ou demerara) ou qualquer adoçante. 
Pois são substâncias que acidificam e intoxicam o sangue. 
Algumas pessoas usam 1 colher (chá) de mel, mas não recomendo.

Cuidados importantes
1) Existem casos de enfermos, por longo tempo artríticos, cheios de resíduos protéicos, portanto, com poucas reservas alcalinizantes. 
A quebra destes resíduos protéicos gera muitas substâncias ácidas e, conseqüente falta de bases, carência esta que vai acumulando-se até provocarem sérias acidoses ou acidemias protéicas. 
Em tais casos, a TIL pode ser contra-indicada.
Todavia, em tais circunstâncias especiais, experimentamos aplicar limão juntamente com um caldo alcalinizante, acrescentando ao suco do limão elementos basificantes. 
O caldo basificante pode preparar-se mediante a decocção de aipo, cebola, alface, etc., sendo que o uso de várias hortaliças juntas dá ainda melhores resultados. 
Toda vez que se toma esse caldo quente, adiciona-se suco de limão na quantidade que o caso requeira e a tolerância orgânica permita, tendo-se em mente que, ao aumentar a dose de limão, deve-se aumentar também a quantidade e concentração deste caldo. 
Desse modo, não há sobrecarga de acidose no sangue. Dr. José Castro.

2) Pessoas que fazem uso de medicamentos para tratar problemas da tireóide deverão tomar seu medicamento em jejum, aguardar o tempo indicado pelo médico ou bula e só depois iniciar a terapia com os limões.

Fonte : www.docelimao.com.br
Autor: Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas voltados para o bem-estar e qualidade de vida.

Os benefícios da Sálvia



De origem mediterrânea, a salvia é conhecida como a erva da longevidade.

De origem mediterrânea, a salvia é conhecida como a erva da longevidade.

Seu nome deriva do latim salvere cujo significado é boa saúde. Os romanos a consideravam uma erva sagrada, e para colhê-la, faziam muito rituais. Muito utilizada na culinária, dá sabor e variedade aos pratos, porém não se deve misturar a ela outros temperos, pois pode haver alteração de sabores.

Na medicina popular, seu chá auxilia na digestão e tem poder tonificante para o fígado, podendo aliviar também os sintomas da menopausa. Não deve ser usado em períodos longos. Como cosmético, pode ser um ótimo adstringente para a pele oleosa.


A sálvia é antiinflamatória, adstringente, antiespasmódica, tônica e estimulante da digestão. É indicada nos casos de inapetência, edema, afecções da boca, afta, tosse e bronquite.







Suco da Luz do Sol : benefícios e forma de preparo



Muito se fala sobre os benefícios do Suco de Luz do Sol.... na verdade, o mesmo recebe esse nome pois todos os seus ingredientes são repletos de energia (prana), e ao tomá-lo, de preferência diariamente, é como se carregássemos nosso corpo de energia vital, de prana, de luz de sol...

Os benefícios são imensos, pois seus ingredientes possuem um alto valor nutritivo, desintoxicante e antioxidante... Nosso sangue fica mais limpo, nosso corpo mais saudável. Além de eliminar todas as toxinas do organismo, este suco é capaz de se transformar em hemoglobina poucos minutos após ter sido ingerido, por isso o SUCO DE LUZ DO SOL, além de desintoxicante, antioxidante é um importante tônico bioenergético para nosso organismo.


Não existe uma regra de receita para o preparo. O importante é que você utilize : folhas, grãos germinados (para saber como germinar um grão clique aqui e leia o post onde explico o processo), frutas, legumes e raízes.




A receita que reproduzo abaixo é apenas uma forma de orientação, mas você pode fazer variações, como por exemplo, incluir o sumo de 1 limão ( fonte de vitamina C e repleto de prana/energia).

Forma de preparo:

1. Coloque 2 maçãs picadas sem sementes no liquidificador. Bata com a ajuda de um pepino como socador para auxiliar a extrair o líquido que mora dentro dos vegetais.

2.Acrescente um punhado de grãos germinados, folhas verdes comestíveis: couve, chicórea, hortelâ, o legume e a raiz escolhida na proporção indicada, variando as hortaliças sempre que possível e privilegiando as de produção orgânica.

3. Coe num coador de pano e beba logo em seguida. E se delicie com a força da energia vital!



Receitas de Sucos Desintoxicantes



Estas são sugestões para praticar em época de festas, ou fins de semana, quando orgias alimentares levam a problemas digestivos, principalmente estomacais, hepáticos e intestinais.

Trata-se de receitas da Alimentação Desintoxicante, cuja principal ação é “aliviar” e acordar de forma intensa, todos os 5 sistemas excretores: intestinos, fígado, pulmões, rins e pele.

Estes sucos apresentam elevado poder desintoxicante e devem ser tomados frescos (recém preparados) em jejum, logo ao despertar. Depois é preciso aguardar um mínimo de 30 minutos até a refeição matinal. O propósito é que a “ação faxina” a que eles se propõem seja realizada com o organismo vazio (em jejum) e sem interferências digestivas, motivo pelo qual estão na forma líquida.

E, para uma ação mais intensa, tipo tratamento intensivo, o ideal é tomar 3 sucos/dia, sendo o primeiro em jejum e os 2 demais:

- Para emagrecer (*): 1 copo de suco desintoxicante 30 minutos antes das refeições principais.

- Para fortalecer o sistema imunológico e a vitalidade: 1 copo de suco desintoxicante no meio da manhã e outro copo no meio da tarde.

Desta forma serão tomados 3 sucos/dia, ou seja, um pontapé para a conquista de mais saúde e um organismo mais feliz.

Bem, para que estes sucos sejam poderosamente desintoxicantes e terapêuticos é fundamental não colocar açúcar, não diluir muito e não coar, pois são coquetéis concentrados do poder de "deixar sair" venenos e toxinas. Mas, quando a pessoa está por demais debilitada ou muito doente, o ideal é coar, ou prepará-los na centrífuga, pois neste caso os resultados terapêuticos serão mais instantâneos. Entretanto, assim que retomar sua vitalidade, voltar aos sucos sem coar, pois as fibras fazem parte de uma nutrição saudável.

Suco de Maçã com Hortelã
Ingredientes: 2 maçãs com casca (sem sementes) picada + 1 colher (sopa) de linhaça deixada de molho à noite em ½ copo de água filtrada + 1 xícara (chá) de chá digestivo + suco de 1 limão + 1 xícara (chá) de folhas e talos de hortelã fresco.

Preparo: bata tudo no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco de Caju com Manjericão
Ingredientes: 2 cajus bem maduros picados + 1 xícara (chá) de água de coco + 1/2 xícara (chá) de folhas de manjericão fresco + 1 colher (sopa) de linhaça deixada de molho à noite em ½ copo de água filtrada.

Preparo: bata tudo no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco Bem Feliz
Ingredientes: 1 xícara (chá) de manga em cubos + 2 folhas de couve + 1 xícara de hortelã (talo e folhas) + 1 colher (sobremesa) de uva passa + suco de 2 laranjas + suco de 1 limão.

Preparo: bata tudo no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco Bem Laxante
Ingredientes: 1 xícara (chá) de mamão-formosa picado + 1 inhame médio picado + 2 ameixas-secas sem caroço + suco de 1 limão + 1 colher (chá) de semente de erva-doce + 1/2 xícara de água de coco (ou água filtrada).

Preparo: bata tudo no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco Bem Néctar de Uva
Ingredientes: 1 xícara (chá) de uvas + suco de 1 limão + 1/2 xícara (chá) de água de coco + 1 colher (sopa) de linhaça deixada de molho à noite em ½ copo de água filtrada + 1 talo inteiro de funcho (erva-doce).

Preparo: bata tudo no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco Bem Refrescante e Energético
Ingredientes: 1 xícara (chá) de melancia em cubos (com sementes) + 1 xícara de folhas e talos de hortelã fresco + suco de 1 limão.

Preparo: bata tudo no liquidificador e sirva imediatamente.

Suco Bem Molotov
Ingredientes: 1 colher (sopa) de linhaça + 2 ameixas-secas sem caroço + 1 copo de água filtrada (ou de coco) + 1 colher (sobremesa) de mel ou melado de cana + 1 pêra ou maçã picada com casca (sem sementes) + 1 fatia de mamão-formosa picado.

Preparo: deixe a linhaça e a ameixa de molho na água por toda a noite. Pela manhã bata tudo no liquidificador e sirva imediatamente.

Bem Lanchinho
Ingredientes: 1 maçã picada (sem semente, com casca) + 1/2 xícara (chá) de água de coco + suco de 1 limão + 1 colher (chá) de mel ou melado de cana + 1 colher (sopa) de aveia integral em flocos + 2 colheres (sopa) de grão de trigo integral deixado de molho em água filtrada por 8 horas.

Preparo: bata no liquidificador a maçã com a água de coco e o suco de limão. Despeje numa tigela. Acrescente o mel, a aveia e o trigo pré-germinado. Misture e sirva imediatamente.


Autor : Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas voltados para alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida.

www.docelimao.com.br


Dica de leitura: Alimentação Desintoxicante - Editora Alaúde.


O poder dos sucos verdes




Num mundo cheio de apelos comerciais, nada mais comum do que lançar moda. Porém, um tanto incomum, é o fato que, eventualmente, essas modas estão baseadas em estudos sérios e pesquisas científicas e trazem grandes e verdadeiros benefícios à saúde, de maneira rápida e prática. Esse é o caso dos sucos verdes. Frequentemente abordados pela mídia, esse tipo de bebida é feito a partir de alimentos crus, frutos secos e frescos, vegetais, sementes e grãos germinados, todos de origem orgânica.
O trabalho de conclusão de curso das naturólogas Beatriz Eksterman Mastroeni e Larissa Mazza Lepri Macedo Savazzoni tratou de forma científica o tema, relacionando-o a um incômodo também muito em pauta: a constipação, popularmente chamada de "intestino preso". Na entrevista abaixo as naturólogas falam um pouco de seu trabalho e dos resultados apurados em sua pesquisa.

De onde surgiu o interesse de vocês pelo estudo científico do suco verde?


Especialistas: O nosso interesse teve início quando incorporamos a bebida em nosso dia-a-dia. A Beatriz teve a oportunidade de participar, em 2008, de um curso de Alimentação Viva com o Dr. Alberto Gonzalez, onde aprendeu uma receita de suco verde. A partir de então começamos a consumi-lo praticamente todos os dias em casa. Essa experiência trouxe ótimas mudanças em nós mesmas e em nossas famílias, tanto físicas como comportamentais. Foram essas observações que despertaram o interesse em estudar cientificamente os aspectos do suco verde em conjunto à proposta da Naturologia.

Por que vocês pensaram em usar o suco verde em relação à constipação?


Especialistas: Sempre fomos muito interessadas pela influência do trato gastrointestinal na saúde e já sabíamos que queríamos focar mais precisamente o intestino, bem como o suco verde. Acabamos concluindo que seria ideal a realização de um estudo sobre a constipação intestinal. Esse sintoma é frequente e prevalente em mulheres, potencialmente desencadeador de diversas patologias e capaz de apresentar melhoras a partir de medidas educacionais e hábitos alimentares.

Como foi realizado o estudo?


Especialistas: A pesquisa contou com 15 mulheres adultas (de 20 a 59 anos) selecionadas através dos Critérios de Avaliação ROMA II - instrumento usado para considerar a constipação intestinal. Em um restaurante localizado na praça de alimentação da universidade realizamos 18 encontros, três vezes por semana, no período da manhã, para o consumo do suco preparado por nós.
Era oferecida a cada participante uma porção de 250ml do Suco Verde Padronizado. O aspecto educacional e a abordagem naturológica foram aplicados por meio de uma palestra inicial explanatória sobre conceitos e noções relacionados à constipação intestinal e à saúde, além de "cartinhas educativas" distribuídas às voluntárias a partir da segunda semana de pesquisa.

O que foi mais surpreendente nos resultados que vocês encontraram?


Especialistas: Observamos melhoras muito positivas como: aumento na frequência de evacuações, 90% de melhora na consistência das fezes; diminuição da intensidade da constipação; e aumento do consumo de verduras e de alimentos integrais. Muitas voluntárias também relataram por depoimentos escritos, ao final da pesquisa, melhora em aspectos como humor, disposição e atenção. Além disso, mencionaram mais atenção em relação aos seus hábitos alimentares e intestinais, começaram a notar e respeitar seus próprios organismos e uma das participantes, em especial, que chegava a ficar até 15 dias sem evacuar, após a pesquisa melhorou sua frequência para 3 vezes por semana.

Quais as principais conclusões que vocês tiraram desse trabalho?


Especialistas: Observamos que o Suco Verde Padronizado contribuiu positivamente para a melhora da constipação funcional das voluntárias que participaram da pesquisa. Esse efeito justificou-se principalmente pelo teor de fibras do suco, que também se mostrou capaz de ajudar na introdução ou mesmo na readaptação de hábitos alimentares saudáveis - o que é fundamental para a reversão da constipação intestinal funcional. Apesar disso, entendemos que a abordagem Naturológica contribuiu, de forma fundamental, para a melhora observada, em função das medidas educacionais e da relação de troca estabelecida entre as pesquisadoras e as voluntárias.

No trabalho de vocês o suco foi usado como um fator de estímulo ao equilíbrio fisiológico. Mas o suco verde também pode ser usado como alimento?


Especialistas: Com certeza! O Suco Verde Padronizado é um alimento. Ele pode ser incorporado no dia-a-dia das pessoas e foi elaborado justamente para se tornar uma opção simples, acessível e prática de promover a saúde. Além de ser composto por ingredientes que, com exceção da maçã, são encontrados durante todo o ano. Isso facilita a escolha por alimentos orgânicos.

Como preparar uma receita simples e eficaz de suco verde para quem quer cuidar de sua saúde intestinal? E para uma refeição leve e nutritiva, de fácil digestão?


Especialistas: Para fazer o Suco Verde Padronizado, separe os seguintes ingredientes:

  • suco de 2 laranjas peras
  • 2 folhas de alface (qualquer variedade)
  • 4 folhas de escarola,
  • 2 folhas de couve manteiga,
  • 1/2 cenoura com casca,
  • 1 maçã Fuji,
  • 1 colher de sopa de linhaça hidratada*

*Hidratação: deixe a semente de linhaça de molho, em um recipiente de vidro, com água filtrada. O pote deve ficar tampado durante a noite (mais ou menos por oito horas), dentro da geladeira. Feito isto, despeje as sementes em uma peneira e lave-as em água corrente filtrada.
Como preparar: Coloque o suco de laranja no copo do liquidificador junto com os seguintes ingredientes: alface, escarola e couve. Com o auxílio da cenoura, bata todos estes ingredientes até formar uma substância homogênea. Após este processo, coe com o coador de voil. Transporte o líquido que foi coado de volta para o copo do liquidificador (previamente higienizado) e bata junto à maçã fuji picada e à semente de linhaça hidratada. Assim feito, beba o suco imediatamente!
Obs.: Dê preferência aos ingredientes orgânicos. Em caso de não tê-los, utilize a cenoura sem casca.

Fonte: www.personare.com.br


Sucos Desintoxicantes - mais vitalidade e saúde



Você sabia? Que as frutas são o maior reservatório de energia solar (prana) da natureza? Que os brotos e folhas verdes são os alimentos mais ricos em fibras e clorofila?

Que tal iniciar o dia com uma dose extra de energia?


Você não precisa iniciar com mudanças radicais na sua alimentação para manter ou criar a saúde do seu corpo.


Um primeiro passo importante, para ativar um fluxo diário de limpeza e desintoxicação de todas as impurezas do organismo, é fazer uso de sucos desintoxicantes no seu cardápio matinal, lembrando que devem ser necessariamente frescos, ou seja, ingeridos imediatamente após seu preparo.


Tais sucos são um coquetel de vitalidade e nutrição básica da vida, que previnem doenças, despertam órgãos e sistemas, facilitam todas as trocas e ajudam na mobilização de todas as toxinas e venenos presentes no organismo. O ideal é que seja ingerido pela manhã em jejum, momento mais adequado do dia.


Os benefícios dos sucos desintoxicantes são numerosos, porque sendo líquidos favorecem a pronta e intensa absorção dos nutrientes. Vejamos alguns destes benefícios:



- Melhora o sistema cardiovascular, inclusive no controle da hipertensão, quando ajuda na desintoxicação do sangue;
- Aumenta a disposição e a hidratação, suavizando a pele e dando mais brilho aos cabelos;
- Ajuda na melhoria da qualidade do sono, da memória e da lucidez;
- Ativa o sistema imunológico, portanto previne o câncer e aumenta a resistência a gripes e resfriados;
- Aumenta o volume e o trânsito intestinal, prevenindo problemas de constipação;
- Ajuda na tonificação dos pulmões, rins e fígado.


Evite tomar sucos industrializados e concentrados de caixinha, garrafa ou lata. Os ingredientes passam por uma espécie de aquecimento (pasteurização) para evitar a deterioração, além dos famosos aditivos e conservantes químicos.


O suco fresco, contendo frutas, raízes, folhas e sementes, é sem dúvida, o mais saudável e terapêutico. Deve ser ingerido imediatamente após o seu preparo, para que não oxide e perca seus efeitos terapêuticos e nutricionais.


Os sucos não devem ser encarados como uma dieta, pois seria algo para ser usado por um tempo. Trata-se de uma nova dinâmica de vida, ou seja, ingerir os sucos desintoxicantes passa a ser um hábito diário. Estar pleno de energia diariamente deve ser a condição normal do ser humano.


- De frutas cítricas: fonte de ácido cítrico e vitamina C, são laxantes, mineralizantes e antioxidantes, retardando o envelhecimento e prevenindo doenças;
- De cenoura com maçã e aipo: um bom revigorante, mineralizante, um enraizador;
- De folhas verdes: ricos em clorofila (magnésio) e fibras, trazem serenidade e ativam todo o sistema digestivo. Energiza, limpa o sangue e combate a prisão de ventre. Misture sempre com o limão e uma fruta doce (maçã, manga, mamão formosa, caqui) para proporcionar a perfeita fixação do ferro;
- De alimentos ricos em betacaroteno: ajudam a prevenir certos tipos de câncer. São eles a cenoura, manga, tomate, abóbora, agrião, espinafre, beterraba e brócolis.


IMPORTANTE

Prepare os sucos com frutas e hortaliças frescas, preferentemente orgânicas (principalmente pepino, berinjela, tomate e morango), e muito bem lavadas. Tome o suco imediatamente após o seu preparo e não guarde sobras na geladeira ou congele. Após 5-10 minutos de preparo eles não terão mais as mesmas propriedades terapêuticas e nutricionais.

Você poderá prepará-los no liquidificador ou na centrífuga, pois para cada caso existe uma forma mais indicada.

O ideal é tomá-lo ao natural, ou seja, sem adoçar. Aproveite para apreciar melhor o sabor dos alimentos "in natura" e começar a reduzir suas necessidades de ingerir açúcar em excesso.

Quando preparados no liquidificador é comum precisar acrescentar 1/2 copo de água (que pode ser de coco ou suco espremido previamente) e tendem a ficar bem cremosos. Quando na centrífuga não é necessário colocar água e os sucos saem bem líquidos, porém super fortes.


Estes Sucos Desintoxicantes são Ótimos


Imunidade: 2 maçãs + 1 laranja descascada deixando a parte branca + ramos de manjericão + 1 suco de 1 limão e raspas da casca.

Calmante: 1 cenoura + 1 maçã + 1/2 molho de alface (talo incluso) + 1 suco de 1 limão e raspas da casca.

Desintoxicante: 1 cenoura + 1 pepino (com casca) + 1/2 beterraba média crua + 1/2 xícara (chá) de talos e folhas de hortelã + 1 suco de 1 limão e raspas da casca.

Digestivo: 1 xícara (chá) de abacaxi em cubos + 1 cenoura + 1 xícara de talos de erva-doce + 1 suco de 1 limão e raspas da casca.

Energético: 1 xícara (chá) de uva itália sem as sementes + 3 kiwis + 1 laranja pêra descascada deixando a parte branca.

ESPECIAL Energético- Previne gripes, resfriados e potencializa a cura de problemas infecciosos. Ajuda a combater náuseas e deixa a pele suave: 4 cenouras + 1 maçã + 1 suco de 1 limão inteiro (com a casca) + suco de 2 laranjas + 1 pedaço de gengibre. Passar tudo pela centrífuga e tomar imediatamente.


As dicas e receitas contidas acima foram indicadas por Conceição Trucom, que é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas voltados para a alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida. Site : http://www.docelimao.com.br/